GLOSSÁRIO

A

AAI – Avaliação Ambiental Integrada.

ANA – Agência Nacional de Águas.

Aneel – Agência Nacional de Energia Elétrica.

APP – Área de Preservação Permanente – área protegida pelos órgãos ambientais de modo que não são permitidas intervenções na região. Admite-se apenas uso indireto de atributos naturais.

Aproveitamento – Uso do fluxo do rio para geração hidrelétrica. Local onde será construída a usina hidrelétrica.

Assoreamento – redução da profundidade de um rio.

B

Bacia Hidrográfica - Parte da superfície terrestre na qual todas as águas superficiais e de afluentes se escoam através de um único curso d’água, que dá nome à bacia.

Barragem – construção que retém água antes de passar pela turbina, para geração de energia.

Bota Fora – área de descarte de material de escavação no local das obras das hidrelétricas.

Bulbo – tipo de turbina cujo desenho assemelha-se ao bulbo de uma flor – redondo de um lado e afunilado de outro.

C

Canal de Fuga – Canal de saída de uma turbina hidráulica.

Casa de força – local onde são instaladas as unidades geradoras de uma usina.

Compensação – Medida adotada para compensar impactos permanentes causados pela obra. Exemplo: o estudo pode prever o plantio de 200 árvores para compensar o corte de 100 outras, na área do reservatório.

Condicionantes – são medidas que devem ser cumpridas antes da liberação de uma licença.

D

Desembocadura – o mesmo que foz.

E

Eclusa – Estrutura construída em hidrelétricas que permite a passagem de embarcações que trafegam em rios que são navegáveis.

EIA – Estudo de Impacto Ambiental – estudo ambiental de um empreendimento, necessário para obtenção da licença prévia, com detalhes técnicos dos aspectos ambientais e das ações a serem realizadas durante a execução da obra.

Ensecadeira – Espécie de barragem provisória, utilizada para manter drenada área do rio onde ocorrem as obras – geralmente abaixo do nível da água.

Estudos de Inventário – são realizados na bacia do rio onde serão construídas hidrelétricas, apontando potenciais hidrelétricos, e listando as características da região, com possíveis impactos socioambientais.

EVTE – Estudo de Viabilidade Técnica e Econômica. São os estudos de engenharia, que analisam o custo-benefício da construção do empreendimento.

F

Foz – local onde o rio desemboca – o mar, uma lagoa ou outro rio.

I

Ibama – Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis.

Ictiofauna – conjunto de peixes de uma região e/ou bacia.

J

Jusante – direção da foz, desembocadura do rio.

L

Licença Prévia – primeira licença a ser obtida por um empreendimento, lista condicionantes, mitigações e compensações socioambientais e garante, no caso de hidrelétricas, a negociação de outorgas em leilões de energia.

Licença de Instalação – A licença de instalação é concedida pelo órgão ambiental (no caso das usinas do Tapajós, o Ibama) liberando a construção do empreendimento, quando não há mais objeções socioambientais.

Licença de Operação – Concedida pelo órgão ambiental quando não há mais objeções para a operação comercial do empreendimento.

M

Mitigação – medidas aplicadas para minimizar ou evitar impactos com a obra. Exemplo: uso de barreiras acústicas para reduzir barulho de equipamentos.

Montante – indica localização em direção à cabeceira do rio, à nascente.

MW – megawatt – unidade de medida que representa 1 mil quilowatts.

Q

Quilowatt – 1 KW é equivalente a 1 mil watts – ver Watts.

R

Reservatório – Área onde se armazena água do rio para a geração de energia.

Rima – Relatório de Impacto Ambiental – versão do EIA com linguagem mais compreensível, adaptada para a população em geral.

S

Sitio arqueológico – área onde são encontrados objetos datados de épocas passadas, geralmente com grande valor histórico.

T

Turbina – máquina que é acionada pela força da água do rio, que faz girar o eixo do rotor do gerador, transformando, assim, energia mecânica em energia elétrica.

U

Unidade de Conservação – espaço territorial e recursos ambientais, com limites definidos pelo governo, sob o regime especial de administração, sobre o qual se aplicam garantias adequadas de proteção.

V

Vertedouro – estrutura da hidrelétrica que permite o escoamento de água em excesso que se acumula no reservatório nos períodos de chuva.

W

Watt – Unidade de potência correspondente à potência de um joule por segundo, definido pelo inventor escocês James Watt (1736-1819).